PESQUISE EM NOSSOS POSTS

UM DIA DE CADA VEZ



“Deus, o Senhor sabe que eu não tenho nenhuma vontade agora de permitir que o Senhor transforme minha vida. Não tenho vontade nem mesmo de ter vontade. Mas tem alguma coisa bem no fundo de meu ser que está dizendo “sim” ao Senhor. Então, se o Senhor quiser, toma esse pequeno “sim” e faz com ele o que for da sua vontade. Isso é tudo que tenho para oferecer ao Senhor hoje”.


Encontrei esta oração folheando um livro nas prateleiras da Márcia esta semana (Existe uma Esperança – Nancy – Editora Textus. 2002).

A autora assina só “Nancy” e é, na melhor das hipóteses, uma cristã comum. Comum como eu ou você, tentando amar o Pai e encontrar forças para viver as intempéries da vida.

A oração dela me impressionou pela simplicidade, pela sinceridade e pela transparência na luta da peregrinação cristã comum a todos nós. Aliás, uma oração que várias vezes já brotou em meu coração e no seu coração no decorrer da caminhada cristã.

Deixei de acreditar – há muito tempo – numa vida cristã sem lutas e provações. E admito que há coisas na vida que demoram a ser vencidas e transformadas.

A oração de Nancy me lembrou ainda que a vida é vivida um dia de cada vez. Não dá para viver por pacotes...

Pelo caminho, um dia de cada vez,

milton paulo

1 comentários:

Guto disse...

Acabo de ler "Como os pingüins me ajudaram a entender Deus" e estou realmente impressionado ao ver como algumas partes do livro coicidem com minha vida. É um chamado à reflexão, à mudança.
Ainda nesse passo, acho que a vontade da Nancy é, no fundo, talvez em oculto, minha vontade também. Quantos "nãos" expressa e tacitamente já dirigi a Deus? Quanto eu perdi ao abrir mão disso?
Penso que a obediência a Deus, de uma forma geral, é comparável a um dia quente em frente a uma piscina. Está um calor insuportável, há litros e litros de água fresca à frente, nada me impede de pular... mas na minha preguiça, falta e coragem e confiança naquilo que é nitidamente melhor, fico inerte, indiferente.
Creio que tenho muito a aprender sobre relacionamento com Deus e não me intimido em revelar isto.
Quem sabe molhar o dedinho do pé, experimentar essa coisa devagarzinho (e compartilhá-la) não me leve a logo logo a mergulhar...

Related Posts with Thumbnails
 
©2009 Vineyard Café | Mogi das Cruzes - SP | by TNB