PESQUISE EM NOSSOS POSTS

CLUBE DA LUTA - PRIMEIRO ROUND

Parente, diferentemente de amigos; a gente não escolhe. A gente não escolhe o pai abrutalhado, de poucas palavras. Sisudo pelo tempo e pelas dificuldades da vida. Ou em outras vezes, o pai ausente em todos os sentidos de um relacionamento doméstico. A gente não escolhe a mãe sofrida pela vida, que de tudo reclama. Que mesmo em tempos de calmaria encontra do que murmurar. A gente não escolhe também a mãe “superprototera” que para tudo tem um conselho ou palavra de sabedoria. Mãe que vez ou outra atrapalha o desenvolvimento dos filhos na tomada de decisões. Mãe que mima ao limite extremo! A gente não escolhe o filho respondão, estúpido, ingrato. Aliás, a gente se esforça demais para que nossos filhos não cresçam assim. A gente não escolhe a filha rebelde, que se arruma pra sair de casa na hora que nós estávamos esperando pela sua volta! A gente não escolhe filhos que escolhem suas amizades sem critério e, muitas vezes entra em confusões e trapalhadas. A gente não escolhe irmãos de sangue folgados e usurpadores. Mentirosos, enganadores. Irmãos oportunistas que tentam nos enganar e levar vantagem em tudo na vida. A gente não escolhe essas pessoas! E se possível não gostaríamos de conviver com elas nunca mais! Porém, como isso não é possível na maioria das vezes; acabamos empreendemos todos os esforços para modificar essas pessoas; controla-las ou fingirmos que são o que não!

Fato é, que isso não dá muito resultado. Daí, tentamos dividir a família em pessoas normais, sadias (como nós – é claro) e as difíceis! Disso tenho aprendido que um grande sinal de maturidade é aceitar o fato de que todo mundo é “do jeito que é”.

Gênesis 4.8 - Caim sente inveja de Abel e o mata. Gênesis 4.19 - Lameque dá inicio a poligamia no mundo. Gênesis 9 – 21-27 - Noé, o homem mais justo de sua geração, embriaga-se e amaldiçoa o próprio neto. Gênesis 19. 5-8 - Quando a sua casa é cercada pelos habitantes de Sodoma que querem violentar seus hospedes, propõe-lhes a entrega das próprias filhas
Gênesis 19.30-38 - Posteriormente, suas filhas o embebedam e engravidam dele – Ló é o homem mais justo de Sodoma! Gênesis 21. 8-9; 25.5,6 - Abraão causa desavença entre seus filhos Isaque e Ismael por favorecer Isaque. Gênesis 25.28 - Isaque provoca uma inimizade de vinte anos entre seus filhos Jacé e Esaú por favorecer Jacó. Gênesis 37.3,4 - Jacó elege a José como favorito entre seus onze filhos. Gênesis 37.18, 26-28 - Os irmãos planejam mata-lo e acabam vendendo-o como escravo.

Sem falar que o casamento de todos eles apresenta problemas graves: Abraão relaciona-se sexualmente com a serva de sua mulher, depois expulsa de casa com o filho, a pedido da mulher legítima, e eles passam a vagar pelo deserto. Isaque e Rebeca manifestam preferências individuais por determinado filho, numa história familiar cheia de ciúmes, fraude e desavenças. Jacó casa-se com duas mulheres e , enquanto ambas se desentendem por motivos de fertilidade, ele coabita com as servas das duas e as toma como concubinas. (um jeito mais bonitinho de falar amantes). Ruben, o primogênito de Jacó, deita-se com a concubina do pai. O outro filho, Judá, deita-se com a nora disfarçada de prostituta. Ela toma essa atitude por não ter filhos. Seus dois maridos – ambos filhos de Judá – eram tão perversos que foram mortos por Deus, e Judá a abandonou a própria sorte. ESSA GENTE PRECISA DE TERAPIA!

Nossas famílias, não são tão diferentes ou difíceis como pensamos. Não é mesmo?

ALGUNS FATOS...
Todos nós temos hábitos que sozinhos não podemos controlar;
Todos nós praticamos ações que sozinhos não podemos desfazer; Todos nós temos falhas que sozinhos não podemos corrigir.

E a grande questão é. Esta é a dificuldade: como levar adiante esse lindo sonho de conviver com pessoas que fazem parte da vida real? Pessoas excêntricas, anormais, problemáticas? Filhos, pais, mães, irmãos. É possível?

História do porco espinho...


O porco-espinho, comum em várias partes do Brasil. Ele pertence a família dos roedores e tem cerca de 30 mil espinhos presos ao corpo. Cada espinho pode ser atirado na direção do inimigo. O calor do corpo do inimigo provoca a dilatação da farpa, facilitando sua fixação. Se os ferimentos se transformarem em feridas e atingirem órgãos vitais, poderão causar a morte. O aspecto do porco espinho não é agradável. Seu nome em latim significa “dorso irascível”. Não conheço ninguém que tenha um porco espinho de estimação. São feios. indelicados. De modo geral, o porco espinho usa dois métodos para estabelecer relacionamento: RECUAR e ATACAR. É em geral um animal solitário. Eles andam sozinhos. Mas nem sempre gostam disso... No fim do outono, o porco-espinho jovem pensa em namorar. Mas, o namoro é assunto de grande risco pra ele... As fêmeas aceitam um convite para jantar e ir ao cinema apenas uma vez por ano; as portas da oportunidade fecham-se rapidamente. Desconfio que o “não” de uma garota porco-espinho é a resposta mais respeitada de todo reino animal!

Esse é o dilema do porco espinho: como aproximar-se sem sair ferido? Esse é também nosso dilema.

Cada um de nós carrega um pequeno arsenal. Nossas farpas têm nome:
Rejeição, acusação, ressentimento, arrogância, egoísmo, inveja, desprezo. As pessoas que estão mais próximas de nós, são capazes de ferir, infectar e até matar. Porém, nos também, sabemos ferir as pessoas que desejamos ter por perto. Tentamos sempre descobrir como manter relacionamentos sem sair ferido ou ferir.

Talvez o primeiro passo seja o reconhecimento que EU SOU O PORCO-ESPINHO DE ALGUÉM. VOCE TAMBÉM É.

É difícil pra você aceitar algumas atitudes dos seus familiares? Pois saiba que pra eles também é difícil aceitar algumas de suas manias!

A boa noticia é que é possível BONS RELACIONAMENTOS. Até entre porcos-espinhos! MILAGRES DOS MILAGRES

Em raras ocasiões eles aceitam dividir o espaço com outros da mesma espécie; alguns, criados em cativeiro, recebem alimento pela mão dos veterinários e aprendem a não soltar as farpas;
No acasalamento, macho e fêmea passam um tempo juntos se conhecendo, depois, em pé nas patas traseiras, tocam as patas dianteiras, como numa dança e, se acasalam. PORCOS ESPINHOS RETRAEM OS ESPINHOS E APRENDEM A DANÇAR.

Portanto... CLUBE DA LUTA não é uma proposta para você aprender a lidar com pessoas complicadas.

Essa série de estudos não é para pessoas “normais”. Meu caro, isso não existe! Não existe pessoas normais desde o pecado original. Somos todos excêntricos!

Minha idéia é de ajudar pessoas imperfeitas como você e eu a conviver com outras pessoas imperfeitas.

É a proposta de retrairmos nossos espinhos e cumprirmos os propósitos de Deus para nossa vida em família.

Nossa tarefa nos próximos dias é de criarmos pequenas ilhas de shalom em um mar de isolamento.

É hora de retrair os espinhos e interagir.

2 comentários:

Davi Oliveira disse...

Caraca meRmão...esse Blog é um grande " achado" to relacionando aqui nos meus badulaques.... a simplicidade da palavrade Deus constrange oa mais estudados..e isso nem master card é capaz de pagar.. grande abraço

Andre Bressan disse...

Gostei.

Massudo, precisa mastigar bem, mas eu gostei.

Nem precisa dar um boi... eu entro nessa briga por gosto.

Um abraço.

Related Posts with Thumbnails
 
©2009 Vineyard Café | Mogi das Cruzes - SP | by TNB